Tutorial – Usando a Tupia

with 3 Comentários

A tupia é uma ferramenta curiosa, de aparência descompromissada não consegue convencer mesmo aos mais otimistas sobre o potencial que pode oferecer com um mínimo de conhecimento.

Aqui falo sobre outras de minha ferramentas elétrica inseparáveis:
http://audiokit.com.br/das/?p=110

Sobre a tupia, eu nunca teria feito uma caixa de boa aparência sem essa minha aliada de todas as horas. Reparem ainda que a minha nem chega a ser do tipo profissional mas como uso basicamente para MDF em um volume que não chega a ser grande, nunca tive qualquer problema ou limitação no uso.

Toda tupia vem com algumas guias para servirem como referência. O problema é que quando você tem que repetir a mesma furação, tem que regular tudo novamente e se for um trabalho de precisão, isso toma um tempo danado.

Lá fora você compra com facilidade algumas “guias” pré marcadas e isso deve ser fantástico, veja a foto abaixo. Basta retirar a base original e incluir essa guia, conhecida como “Jasper Circle Jigs”
jasper_tools_model_200
 
Mas como sou um cara teimoso e duro, eu mesmo fiz uma guia e quando quero repetir a furação, basta usar a mesma marcação… fiz em acrílico transparente e anoto com caneta permanente o nome de cada furo.
 
Repare que com a minha técnica, consigo fazer furo inclusive “imediatamente” maior que a própria fresa, o que não é possível com o gabarito original que vem na tupia, da mesma forma que posso fazer furos de tamanho virtualmente infinito, basta aumentar a guia… na que fiz para uso diário, brinco com até 25” de diâmetro.
 
 
tmp5917
Os furos vermelhos são as marcações que formarão o raio até o furo amarelo. Nada impede de você também colocar marcações imediatamente após o próprio furo da fresa, como é o caso dos furos verdes, isso vai te permitir fazer furos de diâmetros bem pequenos…

Deixe seu comentário

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...